Marmores (1895)/Intermezzo/Primeiro

Wikisource, a biblioteca livre
< Marmores (1895)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Intermezzo - Primeiro
por Heinrich Heine, traduzido por Francisca Júlia
Tradução de So hast du ganz und gar vergessen. Poema publicado em Marmores (1895).
NUMEROS DO INTERMEZZO
I

Já te esqueceste, pois, inteiramente,
De que em melhores épocas da vida,
     Teu coração, querida,
Me palpitou no coração ardente?
Teu coração de leve mariposa
     Esvoaçante e terrena,
Tão pequeno e tao falso que outra cousa
Não póde haver mais falsa e mais pequena?

E, de certo também já te esqueceste
     Do pezar e do amor
     Com que tu me prendeste
O coração num circulo de dor.

Pezar e amor! ambos me fazem doente;
     Ambos me são do pranto
     Incentivos fataes;
     E não sei, entretanto,
Si aquelle póde ser maior do que este,
Pois sei apenas que ambos, igualmente,
     Já são grandes de mais.