Página:As organizações no ciberespaço.djvu/68

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


do mundo sem afetar o fundamento social do privilégio que prezam e não pretendem deixá-lo. Segundo o autor,

"Os 'poderosos e bem-sucedidos' podem ressentir-se, ao contrário dos fracos e derrotados, dos laços comunitários -- mas da mesma forma que os demais homens e mulheres podem achar que a vida vivida sem comunidade é precária, amiúde insatisfatória e algumas vezes assustadora. Liberdade e comunidade podem chocar-se em conflito, mas uma composição a que falte uma ou outra não leva a uma vida satisfatória." (BAUMAN, 2003, p.57)

A liberdade é um conceito amplamente debatido ao longo da história humana, pode ser entendido e definido de diferentes formas em variados contextos. Neste momento, deve-se entender liberdade como, segundo Bauman, "a capacidade de fazer com que as coisas sejam realizadas do modo como queremos, sem que ninguém seja capaz de resistir ao resultado, e muito menos desfazê-lo." (BAUMAN, 2003, p.26)

De acordo com Silveira (2006), a colaboração baseada na liberdade do conhecimento, ao mesmo tempo, distribui os ganhos do aperfeiçoamento para todos. Deste modo, na sociedade em rede, a liberdade está gerando igualdade e isso está reconfigurando todo o espectro político.

A liberdade do conhecimento citada acima parece incorporar à noção de Baumam os benefícios da segurança fornecidos pelas relações comunitárias. Pois, a comunidade e seus membros partilham de características comuns em suas aspirações que potencializam as forças individuais e garantem as condições para serem usufruídas.

Nesse sentido, os excluídos do grupo de poderosos e "bem sucedidos" continuam a buscar por comunidade para a obtenção de algumas vantagens que não são oferecidas pela vida individualizada dos comuns.

Entretanto, ressalva Bauman, em certos momentos surgem comunidades estéticas ou, ainda, "comunidades-cabide". Uma comunidade estética ou "cabide" pode se formar em torno de uma festividade, outra podem se formar em torno de problemas comuns aos indivíduos. Esse tipo de comunidade ganha vida pela duração do ritual previsto e se dissolve assim que �