Página:Diccionario Bibliographico Brazileiro v1.pdf/187

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Projecto creando um congresso onde sejam decididas as questões entre as nações — E' um projecto semelhante ao do abbade de Saint Pierre, ha mais de um seculo, de um tribunal supremo das nações com o fim da assegurar entre si uma paz perpetua.

Projecto abolíndo o celibato clerical — que foi causa de uma polemica entre o padre Feijó e o padre Luiz Gonsalves dos Santos, e sobre o qual escreveram outras pennas, como a do arcebispo dom Romualdo.

Projecto declarando livres os que nascessem de ventre escravo no Brazil — apresentado na sessão de 15 de julho de 1837, com o qual já não haveria hoje escravidão no imperio.

Projecto abolindo a pena de morte — apresentado por occasião da discussão do codigo criminal, a 6 de maio de 1830.

Parecer sobre as medidas preventivas e de momento contra a colera morbus — Vem reproduzido no Semanario de saude publica, tomo 2º pag. 399. E' um parecer em separado, que dera em agosto de 1832, na qualidade de membro da commissão de saude publica. Este trabalho, como todos os discursos do doutor França, pecca pela sua grande concisão. Para se avaliar quanto era conciso o doutor França, citarei o seguinte facto, que o doutor J. M. de Macedo refere no seu Anno biographico, tomo 2º pag.311 :

« Um deputado atacava por inutil e onerosa para o thesouro a creação de uma aula de grego. O doutor França, tomando a palavra, e obtendo licença do presidente para fazer uma pergunta àquelle deputado que acabava de sentar-se, perguntou :

« V. Ex. sabe ou em algum tempo estudou e procurou saber a lingua grega ?

« Não, respondeu-lhe o collega.

« Senhor presidente, disse o doutor França, tenho respondido ao nobre deputado. E sentou-se no meio da hilaridade da camara, que approvou em seguida a creação da aula de grego. »

Diz-se que, quando pretendera ser medico de dom Pedro I, lhe dirigira n'uma folha de papel a seguinte petição:

« Quererá vossa magestade me nomear seu medico? » O imperador leu e escreveu — Não; mas logo depois dera-lhe a nomeação.


Antonio Ferreira França, 2° — Filho do precedente e de dona Anna da Costa Barradas, natural da Bahia e doutor em medicina pela faculdade de Paris, foi nomeado oppositor da secção cirurgica da faculdade da côrte em 1855, substituto em 1857, e em 1859 lente cathedratico de pathologia externa, em que foi jubilado em junho de 1881.

E' um dos mais notaveis operadores brazileiros; serviu muitos annos como cirurgião do hospital geral da santa casa de misericordia; é cavalleiro da imperial ordem da Roza ; m mbro titular da imperial academia de medicina, e escreveu:

Do diagnostico dos tumores da região axillar: these por oc-