Página:Diccionario Bibliographico Brazileiro v1.pdf/382

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
357
AU


a Portugal, dando assim provas de amor pela terra, onde bebera a instrucção.

— Noções de philosohia — ineditas. Esta obra consta-me que se acha no prélo.

Ha impressas diversas composições musicaes do doutor Aleixo Breves, para piano, como

O sonho da virgem: recitativo.

Cecy: tango.

Mimoza: polka.

Nhasinha: polka.

Flores do jardim: cançonêta.

Canto patriotico — cuja poesia, como a musica, é do mesmo autor.


Augusto Frederico Colin — E' natural da cidade de S. Luiz, capital da provincia do Maranhão, onde nasceu a 11 de junho de 1823.

Vindo para o Rio de Janeiro, dedicou-se ao funccionalismo publico e foi secretario do governo do Paraná, quando foi creada a provincia, encaregado de organizar a respectiva secretaria, e entrando para a secretaria de estado dos negocias da fazenda, exerce o cargo de chefe de secção extincta; é commendador da ordem da Roza, socio da sociedade auxiliadora da industria nacional, etc. Collaborou em diversos jornaes e periodicos litterarios do Maranhão e do Rio de Janeiro desde 1846, e escreveu:

— Parecer da secção da agricultura da sociedade auxiliadora da industria nacional sobre o projecto e instrucções acerca da acquisição de sementes e plantas. Rio de Janeiro, 1863 — Este parecer é assignado tambem pelo doutor F. L. C. Burlarnaque e M. A. Gaivão.

Manual do empregado de fazenda: collecção de actos legislativos e executivos, expedidos pelo ministerio da fazenda - Rio de Janeiro, 1865 a 1883, 18 vols. in-8° — O ultimo volume acha-se no prelo.

Cultor mavioso da poesia desde seus verdes annos, publicou grande numero de suas composições em avulso. Só na Chronica litteraria, jornal de instrucção e recreio, publicado no Rio de Janeiro em 1850, encontram-se as seguintes:

Ella: poesia — escripta no Maranhão em 1846, uma de suas primeiras composições. Vem á pag. 7 e assim começa:

Eu a vi — era um anjo; a Deus orava
Prostrada aos pes do altar — como era bella!
Volvidos para a Virgem tinha os olhos;
Em extase de fé, de amor ardente,
Por entre preces candida subia
Ao Eterno su'alma fervorosa,
Como remonta aos céos cheiroso incenso
Do turybulo sacro ao som dos cantos.
— Era um anjo dos céos, baixado á terra
Contemplando saudoso a patria estancia,