Página:Dom João VI no Brazil, vol 2.djvu/60

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


624 DOM JOAO VI XO BRAZIL

Anchorena e asykr-se a bordo do Icarus, emquanto a testa dos montoneros Alvear e o refugiado chileno Carrera amea- Cava-m a cidad-e, que repellia os designios de mando de Alvear, tendo a municipal id ade, no exercicio da auctoridade soberana, nomeado commandante provisorio o coronel Dorrego, que estivera no Rio proscripto por Pueyrredon. Alvear era auxi- liado pelas hordas de Santa Fe, ao mesmo tempo que em Entrc-Rios se batiam Artigas e Ramirez, secuncando agora Lecor o primeiro, ( I ) certamente por haver-ss o outro tor nado mais temivel.

Batido em San Nicolas por Dorrego, retirou-se Alvear para Montevideo, mas por seu turno foi aquelle, comman dante em chefe ainda e cot rind o Buenos Ayres com uma nova posigao, surprehendido em Pavon, a I de Setembro, por Lopez e Carrera a frente dos bandos de Santa Fe. Na cidade, facil e de imaginar, reinava a desordem mais triste e mais ccmpleta, desavindo-se e depois reconciliando-se Dorrego e o governador Martin Rodriguez, (2} succedendo-se pri- soes, proscripcoes e fuzilamentos.

Entretanto chegava ao Rio de Janeiro, a 16 de Setem- bro de 1820, o brigue de guerra hespanhol Achilles, trazendo a bordo tres commissarios encarregados de estabelecer uma composigao entre a metropole e os dissidentes do Rio da Prata, onde o ultimo projecto politico em germinacao era o de fundar-se urn a monarchia constitucional em favor d< Principe de Lucca, casando-o com uma das Infantas porti- guezas, provavelmente Dona Isabel Maria (3), de quern Li-

��(1) Corresp. de Maler.

Cl) Foi Martin Rodriguoz quern, como director, celebrou o 24 de Novfmbro de 1824 a paz com Santa Fe. i.",t Nrscida a 4 de Julho de 1801.

�� �