Página:Tratado de Algebra Elementar.djvu/292

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


532. j+y)3- 533. (3a— 2b + c)4. 534. (l+íc+íeS+a;3)".

535. Achar o sétimo termo tle (2 + o)16.

536. Achar o sexto termo de (3 -f- 2«2)9.

537. Achar o duodécimo termo de (cfi — 3»5/0.

Extrahir as raizes seguintes:

538. ^27fts^108g^-2WP—4ã4@"+465a»P3— 300ofc'^12gft5

539. 'tf-772a"a;9+27a3a;6+54o!>x>-1 atia^^ -OHaS^HiBalTi^+tSOft8^.

540. \f32a10—{080«V;e-f810aW—243b10.

541. ^32Pgg2gPg+ 720a^7—1080a^H"81Óa2&9^-243fc'0.

542. 10a64t%3 + 40«W«/ - 80aWcMf -f SOaWyK—320^

CAPITULO II Fracções continuas

| l.n 1 >olillicõos

304I. Fracção continua é uma expressão composta de um inteiro, que pode ser zero, e de uma fracção, cujo numerador é a unidade e cujo denominador é um inteiro augmentado de uma fracção, cujo numerador é a unidade e cujo denominador é um inteiro augmentado de uma fracção, e assim por deante.

Tal é a expressão

c 4

Os termes a, b, c,... . chamam-se quocientes incompletos; e til

ás f acções —, —, —r. . . dá-se o nome de fracções integrantes, bca

30». Tomando em uma fracção continua um, dois, tres, etc., termos, a partir da origem, e reduzindo as expressões resultantes á fórma de quebrados ordinários, dá-se a estes o nome de redu- zidas ou fracções convergentes. Portanto: 19