Contos Tradicionaes do Povo Portuguez/Para quem canta o cuco?

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Contos Tradicionaes do Povo Portuguez por Teófilo Braga
111. Para quem canta o cuco?



111. PARA QUEM CANTA O CUCO?

Dois visinhos ouviram cantar o cuco, e tomaram como agouro que era signal de infidelidade de suas mulheres.

Disse um:

— O cuco cantou mas foi para ti.

— Nada, isso não póde ser. Para ti é que elle cantou.

Pegam de teimar, e como nenhum cedia resolveram ir consultar um letrado. Chegaram lá, o letrado ouviu-os, e depois de botar a livraria abaixo, disse:

— Deposite cada um dois pintos antes de tudo.

Os visinhos entregaram o dinheiro ao letrado, anciosos de ouvirem a sua sorte; e depois que elle metteu os pintos na algibeira, fingiu um semblante triste, e disse:

— Vão-se embora na paz do senhor, porque para mim é que cantou o cuco.

(Porto.)

Notas[editar]

111. Para quem canta o cuco? — Acha-se esta facecia na collecção quinhentista de Timoneda, Sobremesa y Alivio de caminantes, conto 57. (Ed. Ribadaneyra, p. 181.)