Peregrinaçam/XLVII

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Peregrinaçam por Fernão Mendes Pinto
CAP. XXXXVII. Como estando no ſurtos na ponta

de Tilaumera, vieraõ a caſo ter com noſco quatro lanteaas de remo, em que vinha hũa noiua.


A

Vida eſta victoria da

maneyra que atras deixo contado, & curados os feridos, & prouido na guarda dos catiuos, ſe fez inuentairo da fazenda deſtes dous juncos, & ſe achou que o que nelle ſe tomara poderio chegar atè pouco mais de quarenta mil taeis, os quais foraõ logo carregados ſobre Antonio Borges, que era feitor das preſas, & iſto a fora os dous caſcos dos juncos, os quais ainda que eraõ ambos nouos, nos foy forçado queimar hum delles, por não auer eſquipaçaõ para mais que hom ſó. E aſsi ſe acharaõ mais dezaſſete peças de artilharia de brõzo, em q̃ entrauão quatro falcoẽs, & hum camello, & doze berços, & a mais della, ou quaſi toda cõ as armas reais, porq̃ eſte perro a tinha tomada toda nos tres nauios em q̃ matara os quarẽta & ſeis Portugueſes. Antonio de Faria, logo ao outro dia pela menham quiz tornar a demandar a entrada do rio, porem foy auiſado por hũs peſcadores que ſe tomaraõ de noite, que por nenhum caſo foſſe ſurgir à cidade, porque ja là ſe ſabia o que elle fizera a aquelle ladraõ, com o qual o Chileu Capitaõ & Gouernador daquella prouincia tinha feito praçaria, & lhe daua a terça parte de todas as preſas que fazia, pela qual cauſa eſtaua là tudo tão reuolto, que ainda que deſſe a fazenda de graça lha não tomariaõ, quanto mais vendella por dinheyro; & que na entrada do porto eſtauão ja duas jangadas

muyto grãdes com muyta ſoma

de lenha, & de barris de alcatraõ, & fardos de breu, paraq̃ em elle ſurgindo lhas lançaſſem, a fora mais de duzentos paraoos de remo, cõ muytos frecheyros & gente de guerra, cõ a qual noua Antonio de Faria por parecer dos que o milhor entendião, aſſentou de ſe yr a outro porto que lhe demoraua adiante daquelle quarenta legoas ao rumo de leſte, o qual ſe chamaua Mutipinão, por auer nelle muytos mercadores ricos, aſsi naturaes como eſtrangeyros, que em cafilas vinhaõ da terra dos Lauhòs, & Pafuaas, & Gueos, com grande ſoma de prata. E fazendonos à vella cos tres juncos, & com a lorcha em que vieramos de Patane, coſteamos a terra com ventos ponteyros de hũ bordo no outro, atê hum morro que ſe dezia. Tilaumera onde ſurgimos, porque a corrente da agoa era contra nós. E deſpois de eſtarmos aquy ſurtos treze dias ſobola amarra, & bem enfadados com temporais pela proa, & algum tanto ja faltos de mantimento, quiz a noſſa boa fortuna que a caſo ja ſobola tarde vieraõ dar de roſto com noſco quatro lanteaas de remo que ſaõ como fuſtas, em que hia hũa noiua para hũa aldea daly noue legoas que ſe dezia Panduree, & como todos vinhão de feſta, eraõ tantos os atabaques, & bacias, & finos com que rangião, que não auia quem ſe pudeſſe ouuir com a vozaria & matinada delles, & não entendendo os noſſos o que iſto podia ſer, lhes pareceo que eraõ eſpias da armada do Capitão de Tanauquir que podia vir em buſca de nòs Antonio de Faria mandando logo arriar das amarras, ſe preparou para tudo o que vieſſe; & aſsi embandeyrado & com moſtras de muyta alegria eſperou que os das lanteaas chegaſſem a bordo, os quais tanto que nos viraõ aſsi todos juntos, & com as meſmas moſtras de feſta que elles trazião, parecendolhe que era o noiuo que os vinha eſperar ao caminho, ſe vieraõ com muyto prazer direitos a nòs, & deſpois de ſe fazerem as ſuas & as noſſas ſaluas à Charachina, como entre eſta gente ſe cuſtuma, ſe tornaraõ a afaſtar para junto de terra, & aly ſurgiraõ. Nós, como eſtauarnos de todo alheyos de entendermos o ſegredo deſta nouidade, aſſentarão todos co Capitão ſerem eſpias da armada que ficaua atràs, a qual não tardaria muyto que não apareceſſe. Paſſado neſtas ſoſpeitas hum pequeno eſpaço que reſtaua ainda do dia, & quaſi duas horas da noite, vendo a noiua, que vinha nũa deſtas lanteaas, que o noiuo a não mandaua viſitar como eſtaua em rezão, quiz ella fazello, por lhe moſtrar o muyto que parece que lhe queria, & deſpidindo hũa das quatro lanteaas em que vinha hum ſeu tio, lhe mandou por elle hũa carta que dizia aſsi. Se a fraca & molheril natureza me dera licença para daquy onde fico yr ver a tua face, ſem com iſſo por nodoa no meu

honeſto viuer, crè que aſsi voaria
meu corpo a yr beijar eſſes teus vagaroſos

peis, como o esfaimado açor no primeiro impeto de ſua ſoltura; mas ja ſenhor meu, q̃ eu de caſa de meu pay atê quy te vim buſcar, vem tu dahy donde eſtàs a eſta embarcaçaõ onde cuja não eſtou, porque ſó em te ver me poſſo eu ver, mas com me não veres na eſcoridão deſta noite, não ſey ſe na brancura da menham me poderàs enxergar entre os viuos; meu rio Licorpinau te dirà o que meu coraçaõ em ſy cala, aſsi porque ja não tenho boca para fallar, como porque minha alma me não ſofre eſtar tão orfam de tua viſta quanto a tua eſteril condiçaõ o conſente, pelo qual te peço que venhas, ou me dès licença que và, & não me negues eſte amor que te mereço pelo que ſempre te tiue, porque Deos por ſua juſtiça, em caſtigo de tal ingratidão, te não tire o muyto q̃ herdaſte de teus antigos parentes neſte principio de minha mocidade, em q̃ agora por matrimonio me has de ſenhorear atè a morte, a qual elle, como Deos & ſenhor por quẽ he, afaſte de ty por tantos milhares de annos quantas voltas o Sol & a Lũa tem dadas ao mundo desdo principio do ſeu nacimento. Chegada a lanteaa em que vinha o tio da noiua com eſta carta, Antonio de Faria mandou eſconder todos os Portugueſes, & que não apareceſſem mais q̃ ſòs os Chins que leuauamos por marinheyros, porq̃ não duuidaſſe chegar a nòs, a lanteaa chegandoſe muyto ſeguramẽte ao jũco, tres dos que vinhaõ nella ſubiraõ logo acima, & preguntaraõ pelo noiuo, mas a repoſta que os noſſos lhe deraõ foy apanhalos a todos aſsi como vinhão, & dar com elles da eſcotilha embaixo, & como todos elles, ou os mais vinhão bebados, nem os q̃ ficauão na lanteaa ſentiraõ o rumor que os noſſos fizeraõ, nem ſe puderaõ afaſtar taõ depreſſa q̃ de cima do chapiteo lhe não deſſem hum cabo â ponta do maſto com que o atracarão de maneyra que nunca ja mais ſe puderaõ deſembaraçar, & lançandolhe de cima algũas panellas de poluora, os fizeraõ lançar a todos ao mar, & ſaltaraõ logo na lanteaa ſeis ou ſete ſoldados com outros tantos marinheyros & ſe ſenhorearaõ della, na qual deſpois foy neceſſario tornarẽ a recolher os triſtes que andauão na agoa bradando que ſe afogauão. Sendo eſtes recolhidos & poſtos a bõ recado, Antonio de Faria foy demãdar as outras tres lanteaas q̃ eſtauaõ ſurtas, que ſeria daly pouco mais de hum quarto de legoa, & dando na primeyra em q̃ vinha a noiua a abalroou, porẽ nella não ouue reſiſtencia algũa, porque não trazia gente de peleja, ſenão ſomente marinheyros que a remauão, & hũs ſeis ou ſete homẽs que parecião honrados, ſegundo o trajo de ſuas peſſoas, parentes da coitada da noiua que a vinhão acompanhando, & dous moços pequenos ſeus irmãos muyto aluos & bẽaſſombrados, & toda a mais gẽte eraõ molheres ja de dias que ſabião tanger, as quais nos ſemelhãtes tẽpos ſe alugaõ

por dinheiro ao cuſtume da China, as

outras duas lanteaas ſintindo a reuolta, largaraõ as amarras por mão, & fugirão a remo & a vella com tanta preſſa, que parecia que o diabo hia nellas, mas nem iſſo baſtou para deixarmos de tomara ainda hũa dellas, aſsi que das quatro nos ficaraõ as tres. E iſto feito nos tornamos a bordo, & porque ja a eſte tempo era quaſi meya noite ſe não fez então mais que recolherfe toda a preſa no junco, & a gente que ſe tomou foy toda metida debaixo da cuberta, onde eſteue ate pela menham, que vendo Antonio de Faria que era gente triſte, & a mais della molheres velhas q̃ não preſtauão para nada, as mandou todas pór em terra, ficando ſomente a noiua cos ſeus dous irmaõs, por ſerem moços pequenos, aluos, & bem aſſombrados, & vinte marinheyros, que nos foraõ muyto bons para a eſquipação dosjuncos, de que algum tanto vinhamos faltos. Eſta noiua, ſegundo deſpois ſe ſoube, era filha do Anchacy de Colem, que he como Corregedor entre nós, & era eſpoſada com hum mancebo filho do Chifuu Capitaõ de Panduree, o qual dizem que lhe tinha eſcrito q̃ aly naquelle lugar a viria eſperar com tres juncos ou quatro de ſeu pay que era muyto rico, & por iſſo ſe enganaraõ cõ noſco, & ao outro dia à tarde deſpois q̃ nos partimos deſte lugar, a q̃ ſe pos nome o da noiua, chegou o noiuo em buſca della com cinco vellas muyto embandeyradas, o qual paſſando por nòs, nos ſaluou com muytos tangeres, & moſtras de alegria, não ſabendo parte do ſeu mal, nem que lhe leuauamos com noſco a molher, & aſsi embandeirado & com muytos toldos de ſeda dobrou a ponta de Tilaumera onde nos eſtiueramos o dia dantes, no qual ſurgio para eſperar aly pela molher como lhe tinha eſcrita. Nós vellejãdo daquy por noſſa derrota prouue a noſſo Senhor que em tres dias ghegamos ao porto de Mutipinão que era o para onde hiamos pela noua que Antonio de Faria tinha de poder aly vender a fazenda.