Tao Te Ching/IV

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tao Te Ching por Lao Tzu
Capítulo IV


O Tao é um vaso vazio cujo uso nunca transborda


Abismo!


Parece o ancestral das dez-mil-coisas

Abranda o cume

Desfaz o emaranhado

Modera o brilho

Une o pó.



Profundo!


Parece existir

Eu não sei de quem é filho

Parece ser o anterior ao Ancestral.