Duas horas vão passadas

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
(Duas horas vão passadas)
por Fernando Pessoa
Quadra escrita por Fernando Pessoa. Agrupada postumamente (em 1965) como Quadras ao Gosto Popular.[*]

Duas horas vão passadas
Sem que te veia passar.
Que coisas mal combinadas
Que são amor e esperar!