Olhos tristes, grandes, pretos

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Olhos tristes, grandes, pretos,
Que dizeis sem me falar
Que não há filhos nem netos
De eu não querer amar.