Rosa, rosa de amor (1902)

Wikisource, a biblioteca livre

Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Esta obra há sido completamente validado.

Vicente de Carvalho


ROSA, ROSA DE AMOR..


(POEMA)



Rosa, rosa de amor typographic ornament 00.png



RIO DE JANEIRO
LAEMMERT & C. — Editores
66, RUA DO OUVIDOR, 66
Casa filial em S. Paulo
1902

 


ROSA, ROSA DE AMOR...


 


Rosa, rosa de amor purpurea e bella,
Quem entre os goivos te esfolhou da campa?

 

Notas[editar]

  1. São os dois últimos versos da V parte do canto quinto de Camões pelo V. de Almeida-Garrett.
  2. Na edição de 1902, poesia constava com título Cahir das Folhas. Nas edições de 1923 e 1928, no entanto, seu título era A Flor e a Fonte.

Esta obra entrou em domínio público no contexto da Lei 5988/1973, Art. 42, que esteve vigente até junho de 1998.


Nuvola apps important.svg
Caso seja uma obra publicada pela primeira vez entre 1927 e 1977, certamente não estará em domínio público nos Estados Unidos da América